18 Anos de Experiência no Imobiliário
 

Valor médio gasto pelos estrangeiros que compram casa em Portugal é 57% superior à média do mercado.

 

O INE divulga neste destaque indicadores relativos às aquisições de imóveis por compradores não residentes em Portugal, permitindo assim ampliar o conhecimento sobre o mercado de transações de imóveis.
Trata-se de informação que se baseia exclusivamente em fontes de natureza administrativa, nomeadamente proveniente dos registos e notariado e recolhida pela Direção Geral da Política de Justiça do Ministério da Justiça.

Comparando o valor dos imóveis adquiridos por não residentes com o valor global das transações efetuadas em 2019 em cada região NUTS III, o Algarve destaca-se com um peso de 38,7%. Segue-se a região do Oeste, onde 18,0% do valor total das vendas de imóveis foram efetuadas a não residentes e o Alentejo Litoral com 15,0%. Na Área Metropolitana de Lisboa, que concentrou a segunda maior fatia em termos do valor de imóveis adquiridos por não residentes (35,8%), estes apenas corresponderam a 10,4% do valor total das transações de imóveis em 2019. Em conjunto, as regiões do Algarve e da Área Metropolitana de Lisboa concentraram 47,7% do número e 73,5% do valor dos imóveis adquiridos por não residentes em 2019.

Em 2019, a diferença entre o valor médio dos prédios vendidos a não residentes, face ao valor médio das transações globais, foi de 57%, mostrando claramente que os compradores não residentes possuem um poder de compra claramente diferenciado face aos compradores Portugueses/Residentes.

Compare listings

Compare